Pesquisar

Pré-Candidato a Vereador e Funcionário Público são presos por Sequestro e Organização Criminosa


Na última quinta-feira (13), policiais militares prenderam três homens em Jundiaí, no bairro Caxambu. Entre os detidos estavam um pré-candidato a vereador de Jarinu e um funcionário público. Eles são suspeitos de envolvimento em sequestro, organização criminosa e cárcere privado.

Denúncia e Ação Policial

A operação teve início após uma denúncia feita ao 190, relatando que um homem havia sido sequestrado por três indivíduos armados. Os criminosos obrigaram a vítima a permanecer em seu próprio veículo, um Audi A3, enquanto faziam transferências de dinheiro via PIX.

Perseguição e Captura

Diversas equipes da Polícia Militar foram mobilizadas para localizar o veículo. O carro foi avistado no bairro Caxambu, mas o motorista não acatou a ordem de parada, resultando em uma perseguição. Após alguns momentos de tensão, os policiais conseguiram interceptar o veículo e detiveram os ocupantes.

Descoberta do Crime e Detalhes

Na abordagem, os policiais encontraram a vítima dentro do carro. Ela relatou que foi forçada a entrar no veículo, agredida e ameaçada com uma arma de fogo. Os criminosos planejavam levá-la ao Jardim São Camilo para submetê-la a um "tribunal do crime".

Defesas e Prisões

Os três suspeitos negaram as acusações. Um declarou ser funcionário público e outro afirmou ser pré-candidato a vereador por Jarinu. Apesar das negativas, os três foram presos em flagrante e levados à Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Jundiaí.

Investigação em Andamento

A Polícia Civil está investigando o caso para reunir mais detalhes e identificar todos os envolvidos no crime.

Leia Também