Exa, de Pedro Mesquita, Adquire Paulista de Jundiaí e Planeja Transformação do Clube


A Exa, uma gestora recentemente fundada por Pedro Mesquita, entrou oficialmente no mundo do futebol ao adquirir 90% das ações do Paulista Futebol Clube, popularmente conhecido como Paulista de Jundiaí. Esta aquisição foi anunciada por Mesquita ao Pipeline, marcando um novo capítulo para o clube.

Fundado em 1909, o Paulista de Jundiaí alcançou seu auge em 2005 ao conquistar a Copa do Brasil. Em 2006, o clube também brilhou ao vencer o River Plate em uma partida da Libertadores. No entanto, nos anos seguintes, o Paulista enfrentou dificuldades tanto dentro quanto fora dos campos, chegando a quase perder seu estádio, Jayme Cintra, em várias ocasiões. A Exa pretende reverter essa trajetória e revitalizar o clube.



Pedro Mesquita, anteriormente chefe do banco de investimentos da XP Investimentos, onde esteve envolvido em negociações com clubes como Cruzeiro, Botafogo e Coritiba, agora está à frente deste novo desafio. “Este é o primeiro projeto da Exa no esporte. Nossa meta é reestruturar o clube e colocá-lo novamente em destaque tanto no campeonato paulista quanto no cenário nacional”, afirmou Mesquita.

Com o contrato assinado, a Exa terá um período de quatro meses para realizar uma diligência completa no clube antes de iniciar o processo de transformação do Paulista de Jundiaí em uma Sociedade Anônima do Futebol (SAF). A expectativa é de que essa mudança traga nova vida ao clube e melhore significativamente suas operações e desempenho.

O estádio do Paulista de Jundiaí, que já foi palco de memoráveis jogos da Libertadores, é um dos símbolos que a nova administração da Exa pretende preservar e utilizar para impulsionar o renascimento do clube.

Postar um comentário

0 Comentários

Leia também