Pesquisar

Duzinho expõe áudios e denuncia possível favorecimento a pré-candidatos na gestão municipal



Na sessão da Câmara dos Vereadores desta terça-feira (17/04), o vereador Duzinho fez uma série de declarações e apresentou um áudio atribuído a um secretário da atual gestão, o qual levantou questões sobre possível favorecimento a um pré-candidato a vereador por parte dos integrantes do atual governo.

Duzinho, que reiterou ter sido eleito para fiscalizar e legislar, expressou perplexidade ao ser acusado de não ter fiscalizado ou emitido ofícios durante a gestão anterior.

Ele defendeu seu histórico, contando ter emitido mais de 500 ofícios para a gestão anterior e sempre ter sido bem atendido por qualquer secretário ou servidor.

No entanto, o vereador criticou a atual gestão, alegando que os vereadores não estão sendo atendidos quando enviam ofícios aos secretários ou ao executivo.



Segundo ele, isso não prejudica apenas a ele, mas principalmente ao munícipe que trouxe a demanda.

Duzinho também levantou a questão do suposto favorecimento de pré-candidatos que apoiariam o atual governo, sugerindo que enquanto eles são atendidos, as reais demandas dos munícipes são ignoradas. Na sequência, Duzinho apresentou um áudio atribuído ao Secretário de Infraestrutura.

No áudio, o secretário, a pedido de um possível pré-candidato a vereador, informa em um grupo no WhatsApp que uma equipe entrará para executar diversos serviços aguardados por moradores no Vale das Pedras.

Um segundo áudio, supostamente do pré-candidato, sugere que as obras não ocorreriam mais após um -conforme dito no audio- "puxa-saco" do Marcão, ex-prefeito de Itupeva, saber o que seria feito no bairro e possivelmente denunciar o favorecimento.

Duzinho cobrou providências dos demais vereadores e afirmou que a Câmara deverá apurar os áudios apresentados. Ele também prometeu levar o caso ao Ministério Público.


Notícias Relacionadas