Pesquisar

Colega é Suspeito no Desaparecimento de Renan Miossi



 Segundo Roberto Souza Camargo, delegado-assistente da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) em Jundiaí, a Polícia Civil está considerando o homem encontrado com o carro de Renan Sposito Miossi como o principal suspeito no desaparecimento do supervisor de vendas até o momento.

O delegado afirmou que o suspeito admitiu conhecer Renan e ter tomado emprestado o carro do colega. "Há muitas inconsistências e contradições em seu depoimento. Inicialmente, ele negou conhecer Renan, mas acabou confessando no final. Há indicações de que eles podem se conhecer há algum tempo", comentou.

A linha de investigação que foca no colega como principal suspeito não descarta nenhum desfecho para o caso. Uma marca suspeita, possivelmente de sangue de Renan, foi encontrada na gola da camisa do suspeito detido com o carro da vítima. A camisa e o carro foram apreendidos para perícia.

O indivíduo foi abordado pela Polícia Militar em Cabreúva com o carro de Renan. Ele inicialmente negou conhecer Renan, mas depois alegou que o carro foi comprado por sua namorada e mudou sua história algumas vezes, admitindo finalmente que conhecia a vítima e tinha pegado o carro emprestado para um evento familiar.

O suspeito foi liberado após prestar depoimento, pois não há evidências suficientes para justificar sua detenção perante a Justiça neste momento.

As investigações continuam, e qualquer pessoa com informações sobre o paradeiro de Renan deve entrar em contato com a Polícia Civil pelo telefone 181, a Polícia Militar (190) ou a Guarda Municipal (153).

Notícias Relacionadas