Pesquisar

Acidente em Jundiaí Deixa Cinco Feridos e Provoca Congestionamento



Na manhã de segunda-feira (12), um grave acidente envolvendo um carro e um caminhão na Rodovia dos Bandeirantes, próximo à cidade de Jundiaí, resultou em cinco pessoas feridas. O incidente ocorreu quando o caminhão colidiu com a lateral de um carro que estava parado no acostamento, provocando o tombamento do veículo pesado.

As consequências do acidente foram imediatas, gerando mais de três quilômetros de congestionamento no sentido da capital. A situação do trânsito se agravou durante a manhã, afetando a fluidez na rodovia. Apesar dos esforços para normalizar o fluxo de veículos, apenas no período da tarde o tráfego começou a ser parcialmente liberado, mantendo-se o acostamento interditado e causando lentidão em diversos pontos da via.

As cinco vítimas do acidente sofreram ferimentos considerados leves e receberam atendimento médico pelas unidades de resgate que prontamente chegaram ao local. Elas foram encaminhadas a hospitais próximos para uma avaliação mais detalhada e os devidos cuidados.

A Agência Reguladora de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) está conduzindo as investigações para determinar as causas exatas do acidente. Até o momento, as informações coletadas apontam para uma colisão causada pela invasão inesperada do caminhão ao acostamento, onde o carro se encontrava estacionado.

Este incidente ressalta a importância da atenção e do respeito às normas de trânsito, especialmente em rodovias, onde as condições para acidentes tendem a ser mais severas devido às altas velocidades. A Rodovia dos Bandeirantes, conhecida por ser uma das principais vias de acesso à capital paulista, frequentemente exige dos motoristas e das autoridades um cuidado redobrado para garantir a segurança de todos os usuários da via.

O tráfego na Rodovia dos Bandeirantes já apresenta sinais de melhoria, mas ainda requer paciência dos motoristas que transitam pela região. A Artesp e os órgãos responsáveis estão trabalhando para minimizar os impactos e evitar novos incidentes, reforçando a necessidade de manutenção da vigilância e do cumprimento das leis de trânsito.

!-->