Tragédia em Jundiaí: Conflito de Vizinhos Termina em Assassinato, Suicídio e Desespero

Compartilhe!

Na noite de quarta-feira (17), a Polícia Militar de Jundiaí foi chamada para intervir em um conflito entre vizinhos na Rua Marechal Henrique Batista Duffles Teixeira Lott, na Vila Maringá. No entanto, ao chegarem ao local, os policiais se depararam com uma cena de violência muito mais grave: três pessoas haviam sido baleadas.

Segundo relatos de parentes, o suspeito vinha apresentando um comportamento incomum e demonstrando ciúmes excessivos de sua companheira desde o final do ano anterior. Armado, ele disparou três vezes contra um vizinho que estava na calçada. A vítima foi levada em estado crítico para o Hospital São Vicente de Paulo pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Depois de atirar no vizinho, o suspeito voltou para casa e disparou três vezes contra sua companheira, atingindo-a no lado esquerdo do peito e duas vezes no pescoço. Apesar das tentativas de reanimação, a mulher não sobreviveu aos ferimentos.

Em seguida, o suspeito atirou em si mesmo no pescoço. Ele foi resgatado com vida e está em estado grave no Hospital São Vicente de Paulo. Inicialmente, havia informações de que ele havia falecido.

O delegado responsável pelo caso, Leonardo Pontes Montenegro, ordenou a apreensão da arma usada no crime, a coleta de depoimentos de testemunhas e o encaminhamento do corpo da mulher para o Instituto Médico Legal (IML).

Postar um comentário

0 Comentários

Notícias Relacionadas