Advogada Relata Furto de Pertences na Ponte São João

Compartilhe!


A advogada Elza Francisca de Carvalho procurou o Plantão Policial de Jundiaí para informar o furto de seus pertences, incluindo um notebook Dell, diversas joias, documentos importantes, um pen drive e uma agenda contendo senhas e certificados digitais.

Segundo o relato dado à Guarda Municipal, os ladrões tentaram acessar a residência através das portas, mas não obtiveram sucesso. Em seguida, escalaram até o telhado e adentraram pelo jardim de inverno no interior da casa.

Ao chegarem ao quarto da advogada, constataram que o ambiente estava completamente revirado. Os criminosos cortaram o sistema que mantinha a cerca elétrica em funcionamento.

O notebook furtado continha todos os processos e defesas relacionados aos clientes da advogada, representando uma perda significativa para sua prática profissional.

Elza Francisca de Carvalho solicita auxílio para localizar seus pertences. O delegado do Plantão Policial, Rodrigo Lima Leite Carvalhaes, requisitou a realização de perícia da Polícia Científica na residência para coletar evidências.

Recentemente, o "Jornal da Região" destacou diversos casos de furtos a residências na região da Ponte São João. Em um desses casos, o autor foi liberado após a Guarda Municipal prender o ladrão, sendo a vítima identificada posteriormente.

Nos despachos, o delegado Rodrigo Carvalhaes insta a Justiça a manter presos os autores dos furtos, mesmo que aparentem ser casos pequenos. A quantidade crescente de infrações cria uma sensação de insegurança na cidade, conforme observado pelo delegado.

A ocorrência foi atendida pelos guardas municipais Jonas, Gomes e Chagas, que prestaram auxílio à vítima durante o processo. 

Postar um comentário

0 Comentários

Notícias Relacionadas