Pesquisar

4 dicas de segurança para mulheres que viajam sozinhas



Viajar é uma experiência que todos devem aproveitar ao máximo. No entanto, as necessidades e as preocupações das mulheres que viajam sozinhas, a lazer ou trabalho, são bem maiores, e grande parte relacionadas a um elemento básico: a segurança. Pensando nisso, a Accor, líder mundial em hospitalidade, iniciou uma colaboração com SHe Travel Club (STC), o primeiro selo independente e internacional que certifica hotéis de acordo com as necessidades femininas ao viajar, com foco especial em cuidado e conforto.

 

Durante a auditoria, os hotéis da rede são avaliados com base nos serviços e produtos voltados para as necessidades femininas, que possam garantir mais segurança, conforto e os serviços necessários durante a hospedagem, incluindo desde itens como fechadura dupla para os quartos e equipe capacitada para atender às mulheres que viajam solo.

 

Neste cenário, a Accor e o SHe Travel Club desenvolveram 4 dicas úteis, desde o planejamento à escolha da sua estadia:

 

1.   Informe alguém de confiança sobre o seu roteiro

 

Antes da viagem, é importante compartilhar detalhes do seu itinerário, incluindo datas, horários de voos, reservas de hotéis e atividades planejadas, isso permite que alguém saiba onde você estará e possa acompanhá-la à distância. Além disso, estabeleça comunicações periódicas, seja por telefone, mensagens ou e-mail, para informar seu status e compartilhar atualizações sobre sua viagem.

 

2.   Fique atenta à documentação e aparelhos eletrônicos

 

Tenha em mãos toda a documentação necessária para a viagem, verificando itens como passaporte, RG ou outras formas de identificação antes de ir ao aeroporto e de retornar ao seu destino, evitando dores de cabeça na sua ida e volta. Além disso, durante o itinerário certifique-se de que seus documentos estão em um local seguro, tendo pelo menos uma cópia digital de fácil acesso destes documentos e dos comprovantes de hospedagem, passagens aéreas e seguro viagem quando aplicável. Também é importante se atentar aos aparelhos eletrônicos nas mochilas ou bolsas, principalmente o celular, evitando furtos e golpes bancários.

 

3.   Pesquise sobre o destino de viagem

 

Seja para viagens a lazer ou corporativas, é importante pesquisar o cenário de cada cidade e país em relação às mulheres, pois alguns destinos exigem alertas por suas realidades não muito positivas em questões de direitos humanos e gênero. Atente-se às normas culturais, como precaução a possíveis represálias, e crie uma lista de contatos governamentais em caso de emergências. Para o seu transporte, escolha aplicativos conhecidos de mobilidade, evitando veículos informais e sem regulamentação.

 

4.   Escolha hotéis onde você se sentirá segura

 

Os hotéis da rede Accor são uma excelente opção nesse sentido. Com uma ampla presença global e marcas renomadas, como Novotel, Mercure, ibis e muitas outras, a rede é conhecida por oferecer padrões de qualidade consistentes e serviços confiáveis, como sistemas de vigilância, recepção 24 horas e acesso controlado aos quartos, garantindo maior tranquilidade para as mulheres que viajam sozinhas. Além disso, a parceria com o selo SHe Travel Club, que nesta primeira etapa vai certificar 25 hotéis nas Américas com foco em segurança e conforto especificamente das mulheres viajantes, é mais um diferencial.

 

!-->