Claudyana Pereira, do Paisà Tratoria, vence o câncer de mama com apoio de amigos e familiares. ''Fé e acreditar que tem um senhor que nunca dorme. Lute e viva a vida,'', diz.

Compartilhe!




Por Roberto Donaire - Recentemente, nossa equipe teve a oportunidade única de conversar com Claudyana Pereira, uma empresária bem-sucedida da Paisà Trattoria, localizada em Itupeva. Claudyana tem uma história especialmente inspiradora, pois superou um diagnóstico de câncer de mama e está mais forte do que nunca. Ela compartilhou conosco não apenas os desafios médicos que enfrentou, mas também as emoções, o apoio comunitário e a força interior que encontrou durante sua jornada.

Claudyana foi diagnosticada em 8 de junho de 2022. Quando questionada sobre o impacto inicial da notícia, ela nos contou: "Recebi o diagnóstico ainda não confirmado e um ultrassom sem muitas informações. Fiz uma punção, cujo resultado demorou 15 dias para ser entregue. Mesmo com o envelope nas mãos, não consegui abri-lo até a consulta com o Dr. Marcel. Ao receber a confirmação, senti alívio por ter descoberto a doença no estágio inicial."

O apoio durante o tratamento veio de diferentes ângulos e foi um elemento crucial para sua recuperação. "Minha família e meus amigos estiveram lá por mim, é claro, mas também tive o apoio de pessoas que nem imaginava. Tive forças para prosseguir porque sabia que não estava sozinha. E não foi apenas apoio emocional; muitas pessoas me mostraram seu carinho de maneiras práticas, ajudando nos afazeres do dia a dia e tornando meu fardo um pouco mais leve."

Quanto aos momentos difíceis, Claudyana não hesitou em reconhecer que teve altos e baixos emocionais. "Tive momentos sombrios, é verdade. Porém, não pensei em desistir. Minha fé foi minha luz e meu amor pela vida foi o que me sustentou. E a cada pequena vitória, meu espírito ficava mais fortalecido para enfrentar o próximo desafio."

O dia em que soube que estava totalmente curada foi, nas palavras dela, incomparável. "Sentir que você ganhou uma nova chance na vida é indescritível. Eu me senti como se tivesse ganhado na loteria, mas era mais do que isso. Senti que tinha ganhado o direito de viver uma vida totalmente nova e diferente, mais fortalecida pela adversidade que enfrentei."

Claudyana ofereceu um conselho valioso para quem foi recentemente diagnosticado com a doença: "Há um poder superior que está sempre conosco, especialmente nos momentos mais sombrios. Lute e viva a vida com todo o seu ser. Não desista, porque cada novo dia é uma oportunidade."

É válido ressaltar a importância do diagnóstico precoce quando se trata de câncer de mama. Segundo estudos médicos, 95% dos casos diagnosticados em seu estágio inicial têm uma alta probabilidade de cura. Esse dado reforça a importância de check-ups regulares e de estar atento a qualquer sinal ou sintoma incomum.

Postar um comentário

0 Comentários

Notícias Relacionadas