Pesquisar

Prefeitura confirma primeira morte por dengue em Jundiaí

 


A Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS), por meio da Vigilância Epidemiológica (VE), informa que Jundiaí registra uma morte confirmada por dengue. O resultado do exame foi recebido nesta sexta-feira (12), para o óbito registrado em 22 de abril.

O homem, 72 anos, era residente na região da Vila Hortolândia, passou por atendimento no dia 19, com piora do quadro no dia 22, vindo a óbito.

De maneira permanente, o trabalho de educação e orientação contra as arboviroses é realizado pelas equipes e Vigilância em Saúde Ambiental (Visam) e Atenção Básica, em toda a cidade, com o desenvolvimento de investigação epidemiológica e busca ativa em toda notificação suspeita.

Em decorrência da crescente ocorrência de casos de dengue na região da Hortolândia, ações adicionais como aplicação de ‘nebulização’ foram realizadas. A Prefeitura de Jundiaí mantém a atualização semanal do boletim epidemiológico dos casos de arboviroses, para o acompanhamento da situação na cidade.

A Prefeitura de Jundiaí ainda tem intensificado as campanhas de conscientização em redes sociais, nas TVs das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e outros serviços públicos.

É importante que a população ajude no controle contra a dengue e evite deixar água parada em casa. Alguns dos cuidados necessários são: evitar o acúmulo de lixo espalhado pelo quintal, tirar os pratinhos do vaso, mantenha as tampas dos vasos sanitários fechados, guarde as garrafas com as bocas para baixo e em locais cobertos, lavar os vasilhames de água dos animais com água e sabão duas vezes por semana, tampar e vendar ralos, manter as piscinas limpas e com cloro, caixas d’água fechadas, pneus guardados em locais cobertos e descartados de maneira correta e não deixar lonas jogadas para evitar que formem bolsões de água.

Assessoria de Imprensa Prefeitura de Jundiaí


!-->