Pesquisar

Falece Paula Borgo, ex-atleta da seleção brasileira de vôlei, vítima de câncer



Paula Borgo, ex-integrante da seleção brasileira de vôlei feminino, faleceu devido a um câncer gástrico. A ex-atleta de 29 anos foi diagnosticada com o tumor em setembro do ano anterior, o que a levou a se afastar do esporte. Ela vinha enfrentando a doença desde então, e sua mãe anunciou seu falecimento através das redes sociais.

Na seleção, Paula Borgo conquistou vitórias ao lado do técnico Zé Roberto Guimarães. Em 2019, ela assegurou a medalha de prata na Liga das Nações em Nanquim e fez parte da equipe vitoriosa no Pré-Olímpico para os Jogos de Tóquio. Além disso, foi campeã mundial sub-23 nas categorias de base.

Durante seu tratamento, Paula chegou a comparecer a algumas partidas do Osasco na Superliga no Ginásio José Liberatti. Ao ser reconhecida pelos fãs, recebia apoio e incentivo para seguir na luta contra o câncer.

Dois dias antes de seu falecimento, Paula publicou uma homenagem ao marido Carlos em suas redes sociais, relembrando o aniversário de casamento deles. Ela escreveu que estava debilitada, mas agradeceu o suporte incondicional do companheiro.

A Federação Internacional de Vôlei (FIVB) e o Fluminense, último clube que Paula defendeu no Brasil, prestaram homenagens à jogadora em suas redes sociais. A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) também emitiu uma nota lamentando a perda e destacando a contribuição de Paula para a seleção brasileira.

Notícias Relacionadas