FUVEST tem primeira prova domingo; Confira dicas para cuidar da saúde física e mental do vestibulando



Jundiaí, novembro de 2022 –  Fim de ano para muitos é sinal de descanso e festas, mas uma turma está focada em estudar. São os candidatos a uma das vagas nas principais universidades do País, que desde o início de novembro vêm enfrentando uma verdadeira maratona de provas. Isso porque, além do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), principal porta de entrada para as universidades federais do país e até mesmo do exterior, os estudantes vão prestar ainda vários outros vestibulares de instituições públicas e privadas. Neste domingo, dia 04, acontece a primeira fase da FUVEST, uma das mais aguardadas pelos candidatos. E, como em qualquer outra maratona, o preparo físico e emocional é fundamental para alcançar bons resultados.

O psicopedagogo Carlos Camargo, diretor pedagógico do Ápice Vestibulares, curso preparatório com oito unidades no estado de São Paulo, ressalta que o momento pede um cuidado extra com a saúde física e mental. “São provas de longa duração, que exigem bastante dos candidatos. Muitos já realizaram a primeira prova da Unicamp e Unesp, além das duas provas do Enem. E ainda temos pela frente a segunda fase tanto da Unesp quanto da Unicamp, além das duas fases da FUVEST, isso sem falar nos vestibulares de particulares bastante concorridas. Tudo isso em um período muito curto entre uma prova e outra. Então, mais do que estudar sem descanso, é preciso organizar uma rotina equilibrada e dar atenção a sinais do corpo, como cansaço e esgotamento”, alerta.

Para auxiliar nestes momentos finais, o psicopedagogo dá algumas dicas para que o aluno enfrente a maratona de forma saudável.

Dica 1: Ter equilíbrio. Sim, é preciso estudar muito para ter aprovação nos vestibulares.  Mas é sempre importante lembrar que o tempo de descanso e lazer não pode de forma alguma ser deixado de lado. “A rotina precisa, e deve, ser equilibrada. Não adianta estudar mais na reta final e deixar de dormir as horas necessárias. Qualquer exagero, de um lado ou de outro, não vai ajudar neste momento. É preciso estar com a mente descansada para conseguir o foco, concentração e calma necessários para os dias de prova”, destaca o psicopedagogo.

Dica 2:  Saúde mental requer atenção. Cuidar da saúde mental é a melhor forma de lidar com o cansaço e até mesmo com possíveis frustrações que podem surgir no processo. “Respeitar todo o processo e não se cobrar de forma excessiva. Isso porque serão provas seguidas e, talvez, em algumas o estudante se saia melhor do que em outras. Então é preciso que o psicológico esteja preparado para os altos e baixos que poderão vir”, pontua Carlos.

Dica 3: Alimentação saudável. Além de boas horas de sono, o candidato não deve negligenciar a sua alimentação. Esses dois fatores são importantes para passar por toda a pressão que virá. É fundamentar ter uma dieta saudável, dando preferência para alimentos de fácil digestão como legumes cozidos, arroz, frango grelhado, peixes, salada e frutas. A ingestão de água também é essencial.

Dica 4: Tempo para tudo. Ter uma pausa para fazer outras coisas, relaxar a cabeça. “Não deixe de fazer algo que você goste. Inclua algumas horas de lazer no processo. Deixa sua mente descansar e evite qualquer tipo de excesso”, alerta o diretor pedagógico do Ápice Vestibulares.

Dica 5: Otimize os estudos. O momento é de revisar o conteúdo visto ao longo do ano e, no máximo, buscar reforçar um conteúdo que ainda não domine tão bem.  Uma dica é justamente focar neste conteúdo e também no que é essencial em cada prova que vai prestar. Isso porque, dependendo do curso escolhido, algumas matérias têm um peso maior que outras.

Dica 6: Motivação sempre. Como falamos anteriormente, nem todos os resultados serão de acordo com as expectativas, mas isso não é motivo para desânimo. “Tente analisar o motivo de não ter ido bem, existem algumas possibilidades como controle do tempo, falta de estratégia na realização da prova, ansiedade. Se o estudante conseguir identificar, é possível contornar no próximo teste. Só que se lembre que cada prova é uma”, pontua.

Dica 7: No dia seguinte. É o momento de descansar e relaxar a mente. A sugestão é que faça algum passeio, veja algum filme ou série, faça algum exercício físico.

Dica 8: Tem mais de uma fase? Se a prova vai contar com mais de uma fase, mantenha a rotina de estudos. Independente de o resultado ter sido divulgado, não deixe de continuar focado. “Estude como se tivesse passado, mesmo sem ter a resposta, porque a nota de corte pode variar de um ano para o outro”, finaliza Carlos.

Seguindo estas dicas e estando com o estudo em dia, agora é respirar fundo e enfrentar a maratona de provas. Boa sorte!

Sobre o Ápice Vestibulares – Parte do Grupo Ápice Educacional, o Ápice Vestibulares possui oito unidades pré-vestibular no estado de São Paulo, localizadas nas cidades de Jundiaí, Itu, Amparo, Guaratinguetá, Barueri (Alphaville) e São Paulo. Com mais de 40 anos de tradição na área de educação, conta com corpo docente preparado, professores especialistas em vestibulares e material totalmente atualizado.

Além da orientação pedagógica, o Ápice Vestibulares acredita que para preparar adequadamente o estudante para o vestibular é necessário focar também em planos de estudos individualizados e organização do tempo dentro e fora da sala de aula, saúde emocional e nutricional, além da produtividade dos estudos.

Postar um comentário

0 Comentários

Leia também