Pesquisar

Saiba identificar sinais de infestação de baratas e os riscos que podem trazer à saúde



Seja em casa, em algum estabelecimento comercial ou escritório corporativo, ou até mesmo na rua, a presença de baratas é algo indesejável. Uma das pragas mais antigas já registradas, conta com mais de 3 mil espécies e alguns fósseis são datados de 300 milhões de anos. No Brasil, há dois tipos do inseto que são considerados pragas: a barata de cozinha (Blatella germânica), e a barata de esgoto (Periplaneta americana). Para identificar a presença delas em qualquer ambiente é preciso estar atento(a) a alguns pontos.

 

As baratas costumam ter atividades noturnas, em ambientes quentes e úmidos, com mais aparição em estações como o verão, como alerta especialistas da Rentokilempresa líder global em serviços de controle de pragas e higiene, não significa que o inseto é encontrado apenas nessas condições. Além disso, sua presença durante o dia pode ser um sinal de infestação e trazer riscos à saúde.
 

É muito comum encontrá-las em cômodos como banheiros, lavanderias e cozinhas. Para saber alguns sinais que inseto apresenta, o biólogo e biomédico, especialista em controle de pragas e diretor técnico da Rentokil, Carlos Peçanha, listou algumas condições importantes para identificar uma possível infestação.

  • 1 -- Fezes: Os excrementos do inseto são pequenos e cilíndricos, tem coloração marrou ou preta. Quanto mais forem encontrados, significa que uma quantidade considerável do inseto pode estar alocada no ambiente.
     
  • 2 -- Manchas: Cantos de paredes e superfícies horizontais podem apresentar o abrigo das baratas. As manchas podem ser vistas na coloração castanha, e sua abundância também denota a existência de uma porção delas.
     
  • 3 -- Troca de pele: Pequenas cascas são encontradas após a troca de pele do inseto. Geralmente acontece de 5 a 8 vezes durante a evolução do inseto.
     
  • 4 -- Odor: O conhecido “cheiro de barata” produz um cheiro que lembra o mofo. A infestação de baratas torna duradouro o odor no ambiente.
     
  • 5 -- Danos: Caso identifique pequenos danos em embalagens de alimento, até mesmo couro ou livros.

 

“Os problemas ocasionados por elas vão além de danificações ou manchas. As baratas são portadoras de diversas doenças perigosas, como: salmonela, disenteria, gastroenterite, febre tifoide e asma. O risco de transmissão é maior para crianças e idosos, ou pessoas que estejam no tratamento de alguma doença”, destaca.
 

“Como solução definitiva para o problema, a mais aconselhável, e eficaz medida, é o controle profissional de baratas, com resultados longo prazo. Seja para um negócio ou casa, os especialistas da Rentokil dispõem de providências que eliminam a praga”, reforça Peçanha.

Notícias Relacionadas