Pesquisar

"Os demônios estão me perseguindo": Delinquente grita ao ser preso e morre após bater a cabeça no chão



Em Santiago del Estero, Argentina , um desfecho fatal teve um homem que foi preso por ter arrombado a porta de uma casa com a intenção de roubar. Na delegacia, ele começou a gritar, bateu a cabeça e morreu no local.


Como foram os acontecimentos?

Os fatos ocorreram em Santiago del Estero na madrugada deste domingo, quando ele foi preso por tentar entrar em uma casa para cometer um crime , slogan do TN .

O sujeito, identificado como Martín Sierra, de 37 anos, destruiu a porta da frente da casa, mas diante do barulho , foi descoberto e pego pelo próprio proprietário .

Mais tarde, ele o jogou na calçada e, junto com o criminoso, foi até a delegacia mais próxima para fazer a denúncia.

Enquanto estava sob custódia policial, também foi apurado que o sujeito, minutos antes de entrar na casa, havia tentado roubar um carro.


"Eu sou assombrado por demônios"

De acordo com o relato dos investigadores, o homem foi deixado no pátio da seccional para continuar com a investigação, quando começou a gritar.

" Os demônios estão me perseguindo ", disse o suposto antissocial, antes de cair e bater violentamente a cabeça no chão, morrendo instantaneamente.

Segundo a polícia, o evento teria sido desencadeado pelo uso de drogas , embora não tenha sido especificado qual o tipo.


Pesquisar

Após a morte do suposto criminoso, a investigação foi realizada pelos promotores Martín Silva , promotor de plantão, e Érika Leguizamón.

Eles determinaram que uma autópsia fosse realizada no homem para determinar a causa da morte e confirmar se o homem estava sob a influência de alguma droga.


Notícias Relacionadas