Pesquisar

Homem caiu de uma cadeira em um bar e recebeu um diagnóstico devastador: ele teria apenas meses de vida



Jeremy Atkin , um construtor de 58 anos, viajou de East Sussex para Londres, Reino Unido , com suas duas filhas e um sobrinho para assistir a um show do Coldplay.

Já na capital da Inglaterra, o homem foi tomar chá em um bar do Holiday Inn, quando caiu de uma cadeira. 

Após o impacto, Atkin foi transferido para o pronto-socorro de um centro de saúde, onde passou por diversos exames, incluindo um exame que revelou que ele tinha um tumor no cérebro .   

De acordo com informações do The Liverpool Echo , o tumor foi retirado, porém, à medida que avançava para o estágio 4 do câncer de glioblastoma , o torcedor do Liverpool teria apenas meses de vida.  

"É assustador porque (os médicos) disseram que esse tumor é o tipo mais agressivo de tumor que você pode ter. Eles disseram que é o câncer mais raro , mas também o menos financiado em termos de tratamento, então é lamentável", disse ele. 

Desde que foi diagnosticado com câncer, Jeremy sofreu vários coágulos em seu pulmão e seus níveis de oxigênio estão baixos, fazendo com que o início de seu tratamento contra o câncer, que deveria começar na semana passada, seja adiado.   

" O tratamento contra o cancro está atrasado. Deram-lhe mais uma semana para ver como está o seu estado porque, se os níveis de oxigénio não melhorarem, só poderá ter três semanas de tratamento", explicou a filha do adepto do Liverpool. 

Segundo os médicos, o tratamento adequado daria a ele uma expectativa de vida de um ano a um ano e meio, mas se ele fizesse apenas três semanas de tratamento, sua expectativa de vida seria menor.

"Os médicos disseram que geralmente prolonga a vida em 12 a 18 meses, enquanto teríamos que nos preparar para muito menos tempo se ele recebesse três semanas de tratamento", disse Jade. 


Notícias Relacionadas