Por engano, empresa paga equivalente a 20 anos de salário a funcionário, que foge com o dinheiro

No Chile, um funcionário da Federação Chilena da Indústria de Alimentos (Cial) recebeu indevidamente 300 salários de uma só vez, o equivalente a cerca de 965 mil reais. Inicialmente, o funcionário não identificado relatou o erro ao seu gerente, que encaminhou o caso para o departamento de recursos humanos do Cial, consórcio com sede em Santiago (Chile). Ele concordou em devolver o dinheiro e prometeu ir ao banco no dia seguinte. Mas em vez de devolver, o homem pegou todo o dinheiro e fugiu. O empregador tentou entrar em contato com o homem pelos próximos três dias, mas sem sucesso, informou o jornal local Financial Daily. Mais tarde, os advogados do "fugitivo" informaram que ele havia pedido demissão. A Cial posteriormente apresentou acusações criminais contra o ex-funcionário por apropriação indébita de fundos. Até agora, nenhuma prisão foi feita.

Postar um comentário

0 Comentários

Leia também