Pelo menos 23 turistas são levados ao hospital vomitando e com coceira após 'serem envenenados' em piscina de hotel


Um GRANDE vazamento de cloro em um hotel em Maiorca deixou mais de 20 pessoas envenenadas, incluindo crianças.

Os serviços de emergência no local de férias espanhol correram para o local do vazamento de cloro no hotel Sea Club, no resort de Alcúdia.

A publicação do Joranl Cronica Balear de Maiorca relata que mais cloro do que o normal pode ter sido adicionado à piscina.

Os hóspedes do hotel começaram a adoecer por volta das 12h30, hora local (11h30 BST) na área da piscina do Sea Club Hotel em Puerto de Alcúdia.

Segundo o jornal espanhol Ultima Hora , os banhistas reclamaram com os salva-vidas na piscina do hotel pouco depois do meio-dia, que então acionou o alarme e ordenou que todos saíssem da piscina.

Muito rapidamente, vários turistas começaram a sofrer sintomas, incluindo vômitos, irritação na pele e coceira.

Os primeiros relatórios afirmam que os dutos da piscina que regulam a quantidade de cloro ficaram bloqueados, fazendo com que ela se rompesse.

Isso desencadeou uma grande nuvem amarela tóxica que flutuou pela piscina que na época estava sendo usada para uma aula de Aquagym.



Agentes de saúde trataram os afetados na área do jardim do hotel, administrando oxigênio.

Além disso, funcionários do hotel ajudaram a evacuar o local.

Pelo menos 23 pessoas foram afetadas até agora, incluindo um número "significativo" de crianças, com relatórios locais afirmando que o número de vítimas pode aumentar.

O Diario de Mallorca informa que pelo menos 10 crianças estão sendo tratadas por sintomas como irritação nos olhos e tosse.

Uma criança, com menos de sete anos, está em estado grave no hospital.

Uma dúzia foi transferida para vários hospitais em Maiorca.

O Corpo de Bombeiros de Maiorca, a Guarda Civil e a polícia local de Alcúdia foram enviados ao local, com um hospital de campanha instalado na área da piscina onde ocorreu o vazamento.

Até agora, a piscina permanece fechada para os hóspedes enquanto as equipes de emergência estão no local.