Mulher fingiu ter câncer de ovário, arrecadou uma fortuna em doações e gastou tudo em uma viagem luxuosa



Nicole Elkabbas , 44, enganou toda uma comunidade que a ajudou a pagar seu tratamento contra o câncer. No entanto, o que as pessoas não sabiam é que era tudo uma farsa.

Nicole, que mora na região de Kent, na Grã-Bretanha, liderou uma campanha por cinco anos sobre a suspeita de câncer de ovário que ela disse que os médicos haviam diagnosticado.

Em decorrência do exposto, quem conheceu sua história se comoveu profundamente e optou por doar dinheiro, ainda mais quando ela garantiu que havia passado por três cirurgias e seis sessões de quimioterapia , relata o Chronicle .

Em apenas cinco meses de campanha, a mulher conseguiu arrecadar cerca de 59 mil dólares (mais de 54 milhões de pesos chilenos). Mas essa quantia de dinheiro não se destinava ao seu suposto tratamento, mas a uma viagem luxuosa e a outras despesas de sua vida pessoal.

Foi assim que Nicole tirou férias excêntricas na Itália. No total, cerca de 600 pessoas foram enganadas pela mulher. No entanto, a mentira de Nicole foi ainda mais longe, quando se descobriu que uma foto que ela usou para provar que estava com câncer era uma cirurgia que havia sido realizada anos atrás, mas por outra complicação. 

Na fotografia ela pode ser vista deitada, aparentemente em uma cama de hospital , com um rosto bastante emaciado.A mulher, por fim, foi denunciada pelos atingidos e acabou sendo considerada culpada de fraude. Nessa linha, a justiça a condenou a dois anos e nove meses de prisão e ela também foi condenada a devolver parte dos recursos que arrecadou no processo.

Apesar disso, Nicole só devolveu 6 mil dólares dos quase 60 mil que usou para sua vida pessoal . Entretanto, os investigadores indicaram que esta não foi a primeira vez que ele cometeu um ato dessas características, já que já havia coletado cerca de 450 mil dólares por meio de diferentes métodos criminais.