Jundiaí - Estado de SP confirma primeiro caso da varíola dos macacos

O primeiro caso de varíola dos macacos foi confirmado na terça-feira (19) na cidade de Jundiaí (SP), que é próximo de Itupeva pela Secretaria do Estado de São Paulo.

Na noite da terça, a prefeitura de Jundiaí divulgou uma nota oficial e informou que o paciente é um homem, de 34 anos, que não está hospitalizado e não registra viagens internacionais. Conforme a prefeitura, o homem relatou viagem para o interior de São Paulo no final do mês de junho, poucos dias antes de apresentar os primeiros sintomas no dia sete de julho. 

A busca por atendimento médico foi realizada no dia 14, com a indicação de suspeita, seguindo em isolamento desde então. A prefeitura informou que não há registros de casos secundários suspeitos no município. O paciente permanece em acompanhamento pela equipe de saúde, pelo prazo de 21 dias, indicado como período de transmissão ou enquanto permanecer com lesões cutâneas. Em todo o estado de São Paulo já são 374 casos da doença.  

O vírus da varíola dos macacos é transmitido, principalmente, por contato íntimo. Por isso, a orientação é evitar contato com pessoas que tenham lesões na pele e reforçar a limpeza das mãos.