Idosa tem corpo queimado ao fazer sabão caseiro e família pede ajuda



A família de uma idosa de 71 anos, moradora de Coronel Fabriciano, no Vale do Rio Doce, tem pedido ajuda para custear o tratamento da senhora que sofreu queimaduras de segundo grau em várias partes do corpo enquanto fazia sabão caseiro com álcool, combustível, soda cáustica e gordura quente ao lado de um fogão a lenha.

“Nesse dia ela estava só na nossa residência, pois eu estava em um novo emprego a poucos dias. Meu irmão mais velho, que mora na casa de baixo, chegou apavorado me chamando para ir vê-la. Sou técnica em enfermagem e então vim como filha e também para prestar socorro”, lembra Cláudia de Almeida Souza, filha da vítima ao BHAZ.

Quem quiser contribuir basta enviar um PIX para a chave (CPF) 035.615.036-40. O nome completo da filha de Maria Auxiliadora é Cláudia Patrícia de Almeida Souza.

“Não quero doação de milhões, não estamos desprovidos, pois nossa família se mobiliza todos os dias um pouquinho. Mas temos gastos e o que nos vier e der para dividir com outros será feito, com certeza”, finaliza ela.