Ex-primeiro-ministro Shinzo Abe morre após ser baleado durante discurso no Japão


O ex-primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, morreu aos 67 anos depois de ser baleado nesta sexta-feira, enquanto discursava durante um evento de campanha do Partido Liberal Democrata, na cidade de Nara, informaram veículos de imprensa japoneses. Um suspeito foi preso e permanece sob custódia.
Ele foi o premiê mais longevo do país, com oito anos no cargo, e renunciou por motivos de saúde em setembro de 2021

O avô de Shinzo Abe, Nobusuke Kishi, também foi primeiro-ministro do Japão entre 1957 e 1960. Em 14 de julho de 1960, ele foi estaqueado seis vezes por um extremista de direita enquanto saía da residência oficial. Ele sobreviveu

Postar um comentário

0 Comentários

Leia também