Pai e filho matam um ladrão com espada ninja após uma série de assaltos no bairro



David e Edward King , pai e filho, foram considerados culpados do assassinato de um ladrão, chamado Neil Charles , em junho do ano passado, na cidade inglesa de Bury St. Edmunds, localizada no condado de Suffolk.

Após uma série de assaltos na região, ambos levantaram, por meio de mensagens de texto, a intenção de pegar quem fosse descoberto roubando no setor.

É por isso que, segundo a polícia, ao ver o agressor em ação, não chamou imediatamente os policiais uniformizados e decidiu fazer justiça com as próprias mãos, informa o Daily Mail .

O que causou maior impacto é que Neil morreu após ser atacado com um punhal e uma espada ninja , o que posteriormente foi corroborado na autópsia, que determinou que o sujeito perdeu a vida após ser atacado com uma faca de 12 centímetros.

A história do pai e do filho

Durante o respectivo julgamento, tanto o pai quanto o filho negaram ter matado intencionalmente o ladrão e apontaram que foi ele quem se atirou na faca.

Apesar disso, a promotoria determinou que naquela época eles haviam ido “ caçar ” e que agrediram Neil em um “ ato de vigilância ”.

Deve-se notar que Neil teve que ser levado às pressas para um hospital, permanecendo hospitalizado por dois dias e morrendo lá.

Finalmente, na segunda-feira passada, David e Edward foram unanimemente considerados culpados do assassinato do ladrão e colocados em prisão preventiva enquanto aguardavam a data da sentença.

Leia também...