OMS estuda possibilidade de Varíola dos macacos ser transmitida sexualmente


A OMS está analisando a presença do vírus da varíola do macaco no sêmen de pacientes para investigar a possibilidade de transmissão sexual da doença.
O atual surto conta com diversos casos entre parceiros sexuais, o entendimento inicial é que o vírus se espalha principalmente por contato próximo entre humanos.
Nos últimos dias, cientistas disseram ter detectado DNA viral no esperma de alguns pacientes com varíola de macaco na Itália e na Alemanha, incluindo amostras de testes de laboratório que sugeriam que um vírus encontrado no esperma de um paciente poderia infectar outra pessoa.

Leia também...