Doria deixa a vida pública, anuncia volta à iniciativa privada e diz que não pretende sair do PSDB

Segundo matéria do portal G1 o ex-governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta segunda-feira (13) que voltará à iniciativa privada no próximo mês, e que não pretende deixar o PSDB. "Não vou sair do Brasil, não vou mudar do Brasil, continuarei aqui, voltando para o setor privado, de onde eu vim. A partir de agora, retorno à minha vida privada", disse. As declarações foram feitas durante um café da manhã com jornalistas, em um hotel na região da Avenida Paulista, no Centro da capital. "Continuo no PSDB, não me desfiliei e não vou me desfiliar do PSDB. As razões que me fizeram filiar ao PSDB no ano 2000 são as mesmas que me mantêm no PSDB no ano de 2022". Durante o evento, ele não mencionou se pretende disputar algum outro cargo político nas eleições deste ano. "Eu vim para a vida pública para ser um gestor, em 2016. Não sou um profissional da política, sou um gestor da política. Foi esse o papel que cumpri na Prefeitura de São Paulo e também no governo do estado", afirmou no encontro. Em postagem nas redes sociais após o evento, porém, ele afirmou que deixava a vida pública. "A partir do próximo mês, retomo minhas atividades na iniciativa privada. Deixo a vida pública com senso de dever cumprido. Pelos meus erros, peço desculpas. Pelos meus acertos, cumpri minha obrigação", postou em seu perfil no Twitter.

Leia também...