Polícia prende Paulo Cupertino quase 3 anos após morte do ator Rafael Miguel


A polícia prendeu nesta 2ª feira (16.mai), em São Paulo, Paulo Cupertino, principal suspeito de assassinar o ator Rafael Miguel e os pais dele em um crime que chocou o Brasil, em 9 de junho de 2019.
Classificado como violento pela esposa e com o hábito de bater nela e nos filhos, Cupertino não aceitava o relacionamento da filha com Rafael Miguel. Ele fugiu logo após cometer o assassinato e estava foragido até agora.
Segundo o delegado da 6ª seccional, a equipe de policiais recebeu uma informação de que Cupertino estaria na capital paulista, foram checar e encontraram o procurado.
Incluído na Difusão Vermelha da Interpol, Cupertino era o primeiro nome da lista dos criminosos mais perigosos e procurados de São Paulo.

Leia também...