Filha de Paulo Cupertino diz que está aliviada com prisão e que não quer manter contato com pai



A filha de Paulo Cupertino, Isabela Tibcherani, disse nesta terça-feira (17) que está aliviada com a prisão do pai e que não quer manter nenhum tipo de contato com ele. Depois de quase três anos foragido, Cupertino foi preso nesta segunda-feira (16) pela morte do ator Rafael Miguel e dos pais do jovem.

"Ter que reviver tudo isso não é fácil, principalmente mediante todos os esforços para desvincular minha imagem de toda essa repercussão negativa, mas é uma notícia que minimamente alivia, mas não resolve muita coisa. É muito bom saber que ele foi preso. É o senso de Justiça. Desejo que ele pague pelo que ele fez", disse Isabela.

A jovem contou que nestes três anos tentou muitas vezes se reerguer, mas sem sucesso. Ela disse que gostaria de estar trabalhando, mas que as empresas preferem um "distanciamento". Isabela atua na área comercial.

Em relação ao pai, Isabela disse que não quer manter nenhum tipo de contato e que nada que vem dele a surpreende.

"Me revolta ele dizer que eu estou mais feliz. Porque eu não estou. Eu me reconstruí, amadureci, eu mudei tanto física quanto mentalmente mas felicidade é um termo que ainda não conheço de fato", disse Tibcherani.

Ao ser preso, Cupertino afirmou que “a filha tá muito mais feliz agora do que no tempo que ela namorava com o rapaz”.

A jovem disse ainda que lembra de Rafael Miguel sempre com muito carinho e muito amor. "Hoje falar sobre isso não é mais um peso tão grande pq a gente aprende a lidar com a dor. Tem uma hora que a gente não tem mais o que fazer, você tem que seguir com a vida e eu segui com a minha, mas lembrando dele sempre com muito carinho e muito amor. E dos pais também".

Leia também...