Cantor sertanejo é condenado a 28 anos de prisão por estuprar a enteada por 10 anos

Segundo matéria do portal G1 o cantor sertanejo Rodolfo Santoro foi condenado na quarta-feira (25) a 28 anos, 5 meses e 6 dias de prisão por estuprar a enteada durante uma década em Maceió. O réu já estava preso desde dezembro de 2021, após a vítima de 14 anos contar à mãe que sofria abusos desde que tinha 4 anos. A reportagem do g1 não conseguiu contato com a defesa de Santoro. À época da prisão do réu, o chefe de operações da Delegacia de Crimes Contra a Criança e o adolescente (DCCCA), Alan Barbosa, disse que o cantor confessou o crime ao ser preso. A decisão foi do juiz Ygor Vieira de Figueirêdo, da 14ª Vara Criminal da Capital. Os detalhes do jugalmento não foram informados pois o processo corre em segredo de justiça.

Leia também...