Cadelinha paraplégica volta a andar após protetora salvá-la da rua

Um cão que sofria de paralisia nas pernas voltou a andar após três meses.
É o caso de Angel, um cão de rua resgatado aqui no Brasil. A situação crítica da cachorra começou devido a um acidente de carro, bem como uma sucessão de doenças que pioraram seu sistema imunológico. O cachorro acabou sofrendo de um distúrbio neurológico. Isso resulta não apenas em uma série de feridas e no aparecimento de micose. Mas também, a perda de suas patas traseiras.
Angel acabou sofrendo de paralisia nas patas traseiras, o que o impedia de andar como os outros cães. Foram dois meses de cuidados dedicados e atenciosos. Após uma série de intervenções médicas e veterinárias, Angel começou a mostrar sinais de recuperação.
No entanto, quando Deuzenice, de 51 anos, decidiu tirar Angel das ruas e cuidar dele, ela não podia esperar a extensão da recuperação do cachorrinho. Após o terceiro mês de tratamento, a dona Deuzenice gravou um vídeo que surpreendeu a todos que a ajudaram a curar o filhote.
Vemos Angel correndo, pulando e brincando como qualquer outro cachorro. Era difícil acreditar que ele tinha sido incapaz de usar as patas traseiras apenas três meses atrás.
Embora o amor e a dedicação fizessem a diferença, a Sra. Deuzenice pagou do próprio bolso os cuidados com o filhote. Deuzenice conseguiu montar uma espécie de abrigo, dedicado a cães como Angel, que foram sacrificados por outros abrigos. Nem todos conseguem melhorar, mas às vezes há casos como o de Angel que fazem tudo valer a pena.
Você pode ver o vídeo abaixo: