Brasil possui a 20ª carne de frango mais barata do mundo




Para quem gosta de variedade proteica ou quem quer pegar pesado na dieta, o frango sempre foi uma boa pedida e uma carne tradicional na mesa popular. Tendo isso em mente, a plataforma de descontos online CUPONATION levantou informações sobre o consumo brasileiro e o preço da carne branca no Brasil e no mundo. 


Indicada pelo nutricionistas mundo afora, a carne do frango é considerada uma das mais saudáveis por oferecer 27% de proteínas, pouca gordura e vitaminas B3 e B6, conforme divulgado pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos. 


Com a redução do consumo da carne bovina no país devido a alta do preço dos últimos 2 anos, muitos brasileiros investiram no custo benefício da carne de frango. De acordo com a Associação Brasileira de Proteína Animal, em média, cada brasileiro consumiu 45,27 quilos de carne de frango no último ano por causa do custo benefício, quase três quilos a mais do que em 2019.


Com a demanda, o abate de cabeças de frango atingiu 6,18 bilhões de unidades, crescendo 2,8% em 2021 comparado com o ano anterior e fazendo o Brasil registrar um recorde histórico da Pesquisa Trimestral do Abate. Indo ainda mais além, o banco global de dados Numbeo apontou que em 2022 o Brasil possui a 20ª carne de frango mais barata do mundo, cobrando da população cerca de R$18,72 pelo kg.


Com isso, o CUPONATION registrou que o brasileiro gasta em média 3,11% do salário mínimo de R$1.200, valor registrado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, na compra de carne de frango. O cálculo foi feito levando em conta uma casa de 4 pessoas que consome 2 kg de frango por mês - se o número de pessoas na residência, a quantidade de quilo ou o da porção for maior, a porcentagem naturalmente sobe.


Vale lembrar, é claro, que nosso território estar presente na lista da carne de frango mais barata do mundo não anula o fato do aumento da fome ter crescido no país, já que o poder de compra diminuiu com o aumento do desemprego durante a pandemia. 


De volta ao ranking dos mais de 100 países presentes no levantamento, a Suíça é a nação que ficou em primeiro lugar, em que os cidadãos precisam desembolsar cerca de R$123,22 a cada 1 kg. Islândia e Noruega seguem no segundo e terceiro lugar, cobrando R$81 e R$67. O último da lista é a Tailândia. Confira a pesquisa completa no infográfico interativo do CUPONATION.


 

Leia também...