GCM participa de capacitação do Programa ‘Guardiã Maria da Penha’



Núcleo de Gênero do Ministério Público do Estado de São Paulo foi responsável pelo curso

A equipe da Guarda Civil Municipal que atuará no Programa ‘Guardiã Maria da Penha’, participou, na tarde desta quinta-feira (28), de uma capacitação virtual, ministrada pelo Núcleo de Gênero do Ministério Público do Estado de São Paulo.

Os GCM’s Aparecido Donizeti de Moraes e Larissa Marques Cuba estarão diretamente ligados ao programa e realizarão acompanhamento diário das mulheres que possuem medidas protetivas.

De acordo com o comandante da GCM, José Mario Pereira da Silva, a partir desta capacitação, os GCM’s Moraes e Cuba, estarão aptos a colocarem em prática o Programa ‘Guardiã Maria da Penha’, seguindo as diretrizes do Ministério Público do Estado de São Paulo. “Em breve, com a inauguração do Núcleo de Apoio a Mulher (NAM), a equipe da GCM estará à disposição, exclusivamente, para oferecer suporte tanto para as mulheres atendidas, quanto aos profissionais que atuarão diretamente no programa”, comentou.

Para atuação desta equipe, a Prefeitura de Itupeva já disponibilizou viatura equipada para uso exclusivo desta finalidade.

A GCM Cuba salientou que está muito otimista com a implantação do Programa ‘Guardiã Maria da Penha’, em Itupeva. “Tenho notado que, nos últimos anos houve um aumento em relação ao número de casos de mulheres vítimas de violência no Brasil. Portanto, o Programa ‘Guardiã Maria da Penha’ é uma importante ferramenta para oferecer proteção para mulheres que sofrem com essa questão, bem como para incentivá-las a denunciar casos como esse. Além disso, essa iniciativa contribui para retomada de vida de mulheres afetadas por esse tipo de crime”, disse.

A secretária de Desenvolvimento Social, Aline Alves, explicou que a equipe técnica formada por assistentes sociais e psicólogos do Centro de Referência de Assistência Social (CREAS) também acompanharam a capacitação e atuarão no Programa ‘Guardiã Maria da Penha’, prestando atendimento e realizando acompanhamentos às mulheres vítimas de violência doméstica.