Colaboradora da Havan é vítima de agressão por usar o uniforme da empresa em Jundiaí



Uma funcionára da Havan de Jundiaí denunciou ter sido vítima de agressão física e verbal, na última sexta-feira, 15, enquanto ia para o trabalho usando o uniforme da empresa.

Stefany Morais postou vídeos dizendo que não é a primeira vez que a mulher, que já concorreu a vereadora, a agride apenas por ela trabalhar na Havan. Em ambos os casos foram abertos Boletim de Ocorrência

A Havan divulgou nota em que alega que “A família Havan está ao lado da Stefany. Ela está há 10 meses na empresa, entrou como operadora de caixa e já foi promovida a vendedora. É inadmissível que alguém use de violência contra uma pessoa que está indo trabalhar e em busca do seu pão de cada dia. Prezamos diariamente pelo cuidado e integridade de cada dos mais de 22 mil colaboradores. Condenamos todo tipo de crime e não vamos tolerar agressões desta natureza, que configuram atos de intolerância política, o que é muito grave”.

Luciano Hang anunciou que fará uma live nesta segunda-feira, às 17 horas, para falar sobre o ocorrido nas suas redes sociais.