Governador de São Paulo lança projeto da primeira ciclovia de longa distância em rodovia em Itupeva





Empolgado com o lançamento, o prefeito de Itupeva, Marcão Marchi, esteve presente no evento e chegou a dizer que quando a ciclovia estiver pronta que ele ira pedalar atá a cidade de são Paulo. Brincadeiras a parte, Marcão destacou o investimento que o governo do estado fez na região e disse que a obra será a cereja no bolo do Distrito Turístico: O Governador João Dória fez muito pela nossa região, criou a Região Metropolitana. Daqui há alguns anos nós lembraremos dele! Ele é um homem de visão! Ele tem projeto e sabemos que estes projetos estão andando porque o Governador é rápido. Criou o Distrito Turístico. Estava difícil de falar com ele sobre esse projeto, mas na hora em que ele viu o projeto não titubeou e disse ‘vamos fazer, será a Orlando brasileira’ e a ciclovia é a cereja do bolo do Distrito Turístico.”.   

Doria também autorizou a destinação de R$ 4,2 milhões para obras de pavimentação asfáltica da Rodovia Waldomiro Bertassi e de melhorias na infraestrutura urbana de Itupeva. 

A ciclovia 

Um projeto ambicioso que dará a região a maior cilcovia do estado do país e do continente,as obras serão conduzidas da concessionária CCR AutoBan, integrante do Programa de Concessões Rodoviárias, sob regulação da ARTESP – Agência de Transporte do Estado de São Paulo. 

O projeto funcional prevê a construção de uma ciclovia totalmente segregada da rodovia – entre os quilômetros 13+800 e 71 da Rodovia dos Bandeirantes (Shopping SerrAzul), em trechos do canteiro central e do gramado lateral. As intervenções incluem novos elementos de segurança, acesso controlado de entrada e saída, pontos de apoio, barreiras rígidas e novas sinalizações, horizontal e vertical. O valor estimado apresentado pelo projeto funcional chega a R$ 219 milhões. Ainda terá a instalação de seis passarelas para transposição na rodovia – que permitirão que o ciclista possa acessar a ciclovia sem a necessidade de atravessar a rodovia. Também serão viabilizados sete pontos de apoio, com acesso aos postos de serviços, e a nova sinalização de alerta aos usuários.