Cerca de 150 funcionários são afastados todo mês por sintomas respiratórios em hospital de Jundiaí

Cerca de 150 funcionários do Hospital São Vicente, em Jundiaí (SP), são afastados por sintomas respiratório todos os meses. O total representa 6% do quadro de profissionais que trabalham na unidade. De acordo com a prefeitura, até o momento, nenhum setor foi afetado. No entanto, com o aumento no número de atendimentos, a situação preocupa as autoridades. Segundo apurado pela TV TEM, na última semana de dezembro, 6.300 pacientes foram atendidos. Já na primeira semana de janeiro, foram 8.600 atendimentos. O poder público informou que os funcionários afastados são temporariamente substituído para que o atendimento não fique prejudicado.

Postar um comentário

0 Comentários