Sinal do Fim dos tempos? Tempestade rara trás ao Egito invasões de cobras e escorpiões - Itupeva Agora

Agora

11/16/2021

Sinal do Fim dos tempos? Tempestade rara trás ao Egito invasões de cobras e escorpiões

Segundo informações do Portal MetSul, durante o final de semana, uma tempestade de chuva, raios e granizo atingiu uma das cidades mais áridas do Egito, o que levou a uma invasão de cobras e escorpiões venenosos nas ruas e em casas. A situação é bastante atípica, já que a cidade que relata, em média, poucos milímetros de chuva por ano e tempestades são raras exceções.
Centenas de pessoas foram atacadas e ao menos três morreram. Mais de 500 pessoas sofreram picadas de escorpião venenoso na cidade egípcia de Aswan, de acordo com um comunicado emitido pelo governo local em meio a uma onda de tempestades e inundações que afetou várias províncias, o que levou as espécies peçonhentas a deixarem seus habitats naturais.
O jornal estatal do Egito Al-Ahram noticiou que três pessoas morreram em consequência das picadas dos escorpiões venenosos após as tempestades, citando declarações do Ministério da Saúde. A informação foi confirmada também pela rede britânica BBC e pelo canal de notícia em árabe da Al Jazeera. Tempestades de poeira e chuvas torrenciais derrubaram árvores e várias casas desabaram em partes de Aswan. Os sinais de televisão e internet foram interrompidos e houve falta de luz. O governo local decidiu suspender as aulas nas escolas da região neste começo de semana por efeito dos temporais.
A região egípcia é morada do escorpião Androctonus crassicauda, também conhecido como o escorpião árabe de cauda gorda. A picada deste escorpião causa dor intensa, vermelhidão, inchaço e injeta uma porção de toxinas potencialmente fatais no corpo da vítima.

As informações são do Jornal MetSul https://metsul.com/centenas-de-vitimas-em-invasao-de-escorpioes-apos-tempestade-rara-no-egito/ .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas