Bitcoin chega a R$ 372.295,54 e atinge máxima histórica



O bitcoin, atingiu nesta terça-feira 9 o valor de 68 mil dólares seu maior preço em todos os tempos. O otimismo do mercado impulsionou também outros ativos digitais, como o ether, que registrou diversos recordes de preço nas últimas horas.

No mais recente movimento de alto do setor, que teve início nos primeiros dias de outubro, o mercado cripto inteiro cresceu quase 1 trilhão de dólares em valor de mercado total em apenas um mês. No momento, o valor de mercado de todas as criptomoedas somadas está próximo de 3 trilhões de dólares, de acordo com dados do CoinMarketCap.

A criptomoeda já havia alcançado seu valor recorde no dia 20 de outubro, no mês passado, onde passou por um forte período de valorização em razão de sentimentos positivos por parte do mercado.

Segundo Carol Souza do UseCripto, o sentimento para o bitcoin neste mês é positivo. Ela acredita que enquanto o bitcoin mantiver seus dados “onchain” (no blockchain) otimistas, ou seja, cada vez apontar para uma escassez maior nas corretoras, e com um aumento da demanda tanto institucional quanto de empresas , a tendência será de valorização:

“O bitcoin tende a continuar se valorizando enquanto os dados onchain não mostrarem um retorno do bitcoin para exchanges, ou um aumento da liquidez causado pelos hodlers (investidores de longo prazo) vendendo para as exchanges.”

No Brasil temos um projeto de lei (PL) tramitando na Câmara dos Deputados do Brasil que propõe que funcionários do setor público e privado possam, se quiserem, ser pagos nessa ou em outras criptomoedas. A proposta foi apresentada ao Congresso na última sexta-feira (5).

Postar um comentário

0 Comentários