Mercado é acusado de entregar bandeja de carne vazia até que pagamento seja concluído, dizem clientes

Nas redes sociais, a ativita Fabiana Ivo, cliente do Extra do Jardim Ângela em São Paulo, denunciou que o mercado entrega bandejas vazias de carne aos clientes até que o valor do produto seja pago no caixa.
Segundo o relato da cliente, a situação ocorreu durante uma compra de carne bovina no açougue da loja. Após escolher o produto e vê-lo ser pesado, a ativista recebeu uma bandeja vazia com o código de barras. Ela foi informada de que a carne poderia ser retirada somente após o pagamento no caixa. A medida, segundo uma funcionaria foi adotada para evitar roubos.
"Isso é uma afronta a toda a população das quebradas, duvido que o mesmo aconteça no Extra do Morumbi", questionou a ativista, em publicação nas redes sociais.
A prática não é adotada em unidades da mesma rede localizadas em bairros nobres da capital, como a da Avenida Brigadeiro Luís Antônio, próxima à Paulista.
Em nota, o Extra disse que "o procedimento não faz parte de sua política de atendimento" e que a loja tomou "providências para que a prática fosse imediatamente descontinuada". A empresa disse ainda que a conduta é uma "falha pontual de procedimento".

Postar um comentário

0 Comentários