Idoso restaura igreja deixada em ruínas por comunistas soviéticos - Itupeva Agora

Agora

10/22/2021

Idoso restaura igreja deixada em ruínas por comunistas soviéticos



Quando Mykola Horbal começou seu projeto de restauração, 26 caminhões de lixo foram necessários para esvaziar a igreja e o terreno adjacente

Mykola Horbal, um membro aposentado do parlamento ucraniano, trabalha na renovação de uma igreja em sua vila natal em Latacz, Ucrânia, há cinco anos. O poeta e ex-ativista de direitos humanos começou o projeto aparentemente impossível de devolver a igreja, que estava cheia de lixo e praticamente em ruínas, à sua função original: adoração.

Ele começou sozinho e usou recursos de sua modesta aposentadoria para renovar o exterior do edifício. Hoje, ele tem o apoio de doações para continuar o trabalho.

Após o fechamento da fazenda coletiva que havia no local, a igreja permaneceu vazia por vários anos e começou a desmoronar.

“Meu pai não suportava vê-la nesse estado. Ele pensava: ‘Muitas pessoas oraram a Deus aqui’. Ele não conseguia mais permanecer passivo diante desse sacrilégio”, contou o filho de Mykola, Andriy Horbal.


Local sagrado


Mykola Horbal está gerenciando o trabalho de Kiev. Todos os dias ele pede ao Senhor que lhe conceda saúde para concluir a obra. “Em vez de um espírito de desolação, é o Espírito Santo que deve habitar aqui”, afirmou o filho.

No Facebook, Andriy relata o andamento do trabalho. Eletricidade, ventilação, pintura… No momento, tudo ainda precisa ser feito dentro da igreja.

“Um modelo 3D com as dimensões exatas de todas as superfícies já foi feito. A prioridade agora é preparar o design litúrgico interior. Convido todos os especialistas interessados no projeto a participar dele”, escreveu Andriy Horbal em um post na rede social.


História


A igreja, construída no final do século XIX, foi inicialmente o local de oração de uma comunidade católica polonesa de cerca de 30 famílias.

Com a chegada da Segunda Guerra Mundial, os habitantes foram deportados e, sob o domínio soviético, o edifício foi transformado em uma fazenda coletiva. Durante muito tempo, foi usado como lixão.

Quando Mykola Horbal começou seu projeto de renovação, 26 caminhões de lixo foram necessários para esvaziar a igreja e o terreno adjacente.

Este idoso de 80 anos quer que o templo seja dedicado a São João Paulo II. Ele espera que seja um lugar de oração, mas acima de tudo um sinal de reconciliação entre ucranianos e poloneses.

Nenhuma comunidade polonesa reside mais na área, então o bispo da diocese de Lviv, dom Mieczysław Mokrzycki, escolheu confiar a igreja à comunidade greco-católica da vila.

Mykola Horbal, seu filho Andriy e muitas pessoas de boa vontade continuarão trabalhando diariamente, até o dia em que o louvor a Deus ressoará mais uma vez pelas paredes da igreja.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas