Homem ficou dois meses com garrafa presa a órgão genital, revela publicação médica

 




Uma publicação do International Journal of Surgery Case Reports revelou o caso de um homem de 45 anos que precisou passar por cirurgia para retirar uma garrafa que ficou presa ao seu órgão genital por dois meses. 

Diagnosticado com depressão severa e histórico de tentativas de suicídio, a publicação relatou o caso para chamar a atenção para a importância de cuidar das necessidades sexuais de pessoas com problemas mentais. 





Segundo informações do artigo, o homem demorou para procurar ajuda e quando contou o que havia acontecido a familiares, a garrafa plástica já havia causado um edema no pênis. 

A publicação cita quase 60 casos de estrangulamento peniano foram relatados desde 1755, com alguns também precisando de intervenção cirúrgica, e recomenda que homens que optarem por usar do recurso, comum em jogos eróticos, procurem anéis penianos adequados, com tamanhos e ajustes, e não tentem usar soluções caseiras. 

Com informações da ISTOÉ

Postar um comentário

0 Comentários

Leia e se divirta!