“Era docinho” diz filha que matou o pai a tiros e bebeu o sangue dele - Itupeva Agora

Agora

10/21/2021

“Era docinho” diz filha que matou o pai a tiros e bebeu o sangue dele


Uma tragédia aconteceu no estado da Paraíba, quando Rosângela dos Santos de Aguiar, de 22 anos, matou o pai a tiros, nesta quarta-feira (15). Ela jovem disse que o crime foi motivado por um estupro sofrido por ela palas mãos do próprio pai.  


Ela gravou um vídeo, no qual, conta como o crime aconteceu. A jovem teria chegado de moto e falado para a mãe o quanto a amava e que não voltaria a vê-la. Depois, ela teria encontrado o pai, o qual teria ferindo com uma faca e o executado com uma arma.


Rosângela conta que queria ter arrancado a cabeça da vítima e pendurado em uma estaca, mas não conseguiu. E, por fim, faz uma revelação chocante ao ser questionada sobre a suspeita de ela ter bebido o sangue do pai.


— Não me arrependo. Mataria de novo. Beberia o sangue dele de novo. Era docinho.


Junto com Rosângela, outras três pessoas foram presas suspeitas de participar do crime e teriam confessado participação no assassinato. A suspeita nega que teve ajuda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas