Contratada para "orar", mulher rouba R$ 330 mil de deputado e presenteia familiares com carros

 

Foto: Gustavo Sales/Câmara dos Deputados

Cleuza Gomes da Hora de Oliveira, uma mulher de 58 anos, contratada para "orar" na residência do deputado federal "Professor Alcides" (Alcides Ribeiro Filho), do estado de Goiás, foi preso pela polícia após ter roubado R$ 330 mil da casa do parlamentar.

De acordo com as informações, a Polícia Civil e o Denar conseguiram encontrar a mulher depois que ela postou vídeos em suas redes sociais, com familiares ostentando os veículos, que ela disse ter vindo de uma herança deixada pela mãe.

A prisão ocorreu no Mato Grosso do Sul, duas semanas após o crime. 





Foto: Divulgação

Em nota, o deputado federal Alcides Ribeiro Filho confirmou que a mulher esteve por pouco tempo em sua casa e explicou que o dinheiro pertencia ao centro universitário de qual é dono e pretendia depositar na conta da empresa.

“Sou um homem religioso, cristão evangélico, e costumo fazer orações diárias quando estou na minha casa. Aceitei a indicação de um amigo de grupo de orações e essa senhora veio trabalhar na minha casa para, justamente, fazer esse trabalho religioso. Trabalhou pouco dias e, quebrando totalmente a confiança depositada nela, furtou o dinheiro e foi embora”, disse ele na nota, enviada ao Campo Grande News

R$ 47 mil foram recuperados com a mulher e os veículos, dois da marca Volkswagen (Fox e Voyage) e um Hyundai HB-20, também foram apreendidos. 

Postar um comentário

0 Comentários

Leia e se divirta!