Ticker

6/recent/ticker-posts

Medo de desabastecimento lota postos de combustível

 

Reprodução Twitter

A manifestação de caminhoneiros a favor do presidente Jair Bolsonaro e contra ministros do Superior Tribunal Federeal (STF), que começou ontem com paralisação de pistas em pelo menos 10 estados, têm causado filas nos postos de combustível.

Isso porque muita gente que depende do veículo para trabalhar está preocupada com o risco de desabastecimento e está se antecipando à possível falta de combustível. 





No início desta manhã, estavam confirmados bloqueios em rodovias de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Tocantins.

As manifestações a favor do presidente continuam mesmo após o próprio Jair Bolsonaro pedir para que os caminhoneiros liberem as estradas, alertando para os problemas econômicos e risco de desabastecimento que a paralisação pode provocar.

Locais de protestos em São Paulo:

  • Anhanguera: bloqueada totalmente na região de Limeira, mas há opção para desviar da manifestação.
  • Bandeirantes: não há trechos bloqueados.
  • Dutra: pista sul bloqueada para caminhões na região de Caçapava. Demais veículos têm passagem livre.
  • Régis Bittencourt: interditada totalmente na região de Embu das Artes. Há desvio no local para automóveis, mas a lentidão era de 2 km por volta de 5h.
  • Rodovias Anchieta e Imigrantes: tráfego normal, sem pontos de manifestações.
  • Rodoanel: manifestação na região de Riacho Grande, em São Bernardo do Campo, trecho próximo ao sistema Anchieta/Imigrantes. Apenas veículos de emergência e automóveis podem seguir viagem.

Postar um comentário

0 Comentários

Leia e se divirta!