Filho simula o próprio sequestro para pedir R$ 700 aos pais e é flagrado em bar



Sendo flagrado em um bar na cidade de Piratininga, o jovem, morador da cidade de Lins (SP), está sendo investigado por extorsão após simular um sequestro, no qual, passando pelos sequestradores pediu R$ 700 aos pais. Este acontecimento foi na noite do dia 20 deste mês, quando ele saiu de casa dizendo que iria encontrar uma mulher e não voltou mais. 


De acordo com o Boletim de Ocorrência , pouco mais de 6 horas do dia 19 a mãe do jovem recebeu uma mensagem, por meio do aplicativo WhatsApp, do filho, no qual, era pedido o valor de R$ 700 para que ele fosse liberado. Outras mensagens chegaram ao longo da manhã, pedindo que a transferência até às 10h. Os pais do jovem receberam uma foto dele com a cabeça coberta, em uma área de mata, e fizeram a transferência.


Ao começar a investigar o caso, a polícia descobriu por meio de imagens do circuito de segurança o jovem no local consumindo produtos com uma jovem e outro rapaz.


O jovem voltou para a casa e foi levado pelos pais à Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Lins, onde tentou reafirmar a história do sequestro, mas acabou confessando a mentira. Ainda em depoimento ele disse que usou do falso sequestro para conseguir dinheiro para fazer uso de drogas e passear em Piratininga com a mulher que conheceu por meio de um aplicativo de relacionamento. 

Postar um comentário

0 Comentários

Leia e se divirta!