Ticker

6/recent/ticker-posts

Pais que jogaram pornografia de filho fora terão que pagar indenização de mais de R$ 150 mil

 


Um americano de 43 anos ganhou um processo movido contra os próprios pais por eles terem jogado sua coleção de material pornográfico no lixo. 

De acordo com informações da Associated Press, David Werking, de 43 anos, viveu 10 anos com os pais após um divórcio e entrou com um processo logo após se mudar para Indiana (EUA) e notar o desaparecimento de seus artigos. No processo, ele alegou que os pais não tinham o direito de jogarem fora o material, que continha revistas, filmes, entre outros, em valor estimado de 29 mil dólares (mais de R$ 150 mil). 





Os pais alegaram que tinham o direito de jogar o material fora, por serem pais do homem, mas o juiz do caso alegou que não há nenhuma lei que autorize a destruição de material alheio, ainda que se trate de filho. 

Com a decisão, os pais terão que pagar 30 mil dólares ao filho, além de carcar com 14,5 mil dólares em custos com o advogado do filho. 

Postar um comentário

0 Comentários

Leia e se divirta!