Ticker

6/recent/ticker-posts

Mulher que não podia engravidar dá a luz gêmeos, um concebido naturalmente e outro por fertilização in vitro




Uma australiana de 35 anos decidiu compartilhar sua história de vida para "dar esperança" a outras mulheres que também sonhem em ser mães e encontrem dificuldades, situação que ela viveu antes de dar a luz gêmeos, um concebido naturalmente e outro por fertilização em vitro.

Kimberley Tripp foi diagnosticada com síndrome do ovário policístico quando tinha 15 anos, quando também foi informada que isso poderia comprometer sua fertilidade. 





Kimberley contou que ela e o marido Adrian estavam na quarta rodada de tentativa de fertilização in vitro quando descobriu que estava grávida. "Então, em nosso primeiro ultrassom, com seis semanas, descobrimos que não havia apenas um bebê, mas dois. Eu estava completamente chocada. Transferimos apenas um bebê, por isso não conseguia entender o que aconteceu. Mas meu médico explicou que um dos gêmeos foi concebido naturalmente e o outro foi por fertilização in vitro. Não podíamos acreditar. Nunca soube que algo assim fosse possível", disse ela sobre o fenômeno chamado de superfetação, quando uma segunda gravidez acontece durante uma gravidez inicial.






A mulher disse que ela e o marido não se preocupavam em usar proteção já que ela não ovulava até então, mas, de acordo com o médico, os medicamentos que ela estava tomando para a fertilização in vitro devem ter "ativado" sua fertilidade.

Os bebês Patrick e Leo nasceram em março de 2020 e Kimberley decidiu compartilhar a história para dar esperança a pessoas que estão lutando contra a infertilidade. 

"Leo é o gêmeo menor. Ele é tão carinhoso e risonho e sempre sorridente, e é o brincalhão dos dois. Nunca esperei que isso acontecesse conosco e por muito tempo pensei que nunca poderia me tornar mãe. Mas milagres acontecem, e agora eu sinto que meu mundo está completo. Estamos muito felizes", finalizou ela.






Fonte: Dailymail


Postar um comentário

0 Comentários

Leia e se divirta!