Ticker

6/recent/ticker-posts

Jovem que foi acusado injustamente de rouba de bicicleta descobre que também foi vítima e comprou bicicleta que havia sido furtada


A bicicleta elétrica comprada pelo instrutor de surf Matheus Ribeiro, acusado de furto por um casal no Leblon, na Zona Sul, era roubada. Por isso, Matheus e o homem que vendeu o veículo para ele vão responder por receptação. A Polícia Civil também apura quem furtou a bicicleta.

O instrutor de surfe Matheus Ribeiro diz que não sabia que a bicicleta elétrica comprada por ele e pela namorada havia sido roubado anteriormente. Ele Maria Faes compraram o objeto de um vendedor de um site que anuncia produtos usados.

“A gente está lutando por uma inocência em um caso, e a gente vai ter que provar nossa inocência em outro. Mas a gente está disposto a falar tudo que for necessário, a provar tudo que for necessário, que a gente não comprou essa bicicleta com más intenções ou sabendo que ela era roubada”, disse Matheus.

Na semana passada, ele estava em frente ao Shopping Leblon, na Zona Sul do Rio, quando foi parado por um casal branco, Mariana Spinelli e Tomás Oliveira, que o acusou de roubar a bicicleta elétrica deles. Matheus, que é negro, gravou os momentos finais da abordagem e procurou a polícia, denunciando o crime como racismo. Um vídeo de câmera de segurança das imediações do local mostrou que o objeto do casal foi levado por um homem branco conhecido como "Lorão" 

Agora, a polícia descobriu que a bicicleta comprada por Matheus foi anunciada no site de vendas após ter sido roubada. E Matheus passou a ser investigado por receptação de bicicleta furtada. A Polícia Civil do RJ afirma que a bike foi levada do dono original em fevereiro deste ano em Ipanema, na Zona Sul.

Matheus foi informado pela polícia de que a bicicleta elétrica dele tinha sido objeto de furto neste sábado (19).

“A gente primeiramente recebeu de surpresa, né?! Pois a pessoa de quem a gente comprou, até o momento, sentíamos uma certa confiança, já que vendia várias bicicletas. E quando eu questionava sobre a nota [fiscal], ele me dizia que iria me dar porque o primeiro dono estava viajando", disse Matheus.

"Então, a gente não tinha desconfiança nenhuma de que esta bicicleta pudesse ser roubada. Se não, logicamente não teríamos comprado."

Um modelo novo da bicicleta custa, aproximadamente, R$ 8 mil. A usada foi comprada por R$ 3,6 mil. Matheus disse que não desconfiou do preço por se tratar de um site de produtos usados.

“Por ser uma bicicleta usada, a gente especificou que estivesse próximo à metade do valor de uma bicicleta nova”, contou Matheus.

Como as duas bicicletas furtadas no caso eram idênticas, os policiais investigaram e concluíram que a chave do veículo que estava com Matheus era adulterada de uma moto.

O instrutor de surf afirmou aos agentes que não lembrava o nome da pessoa que vendeu a bicicleta para ele e não tinha nota fiscal. Depois, Matheus apresentou um comprovante, em nome da namorada, de R$ 3.600, valor abaixo do de mercado.

Postar um comentário

0 Comentários

Leia e se divirta!