Autor de sucessos como "Kiss Me Thru the Phone", Soulja Boy é acusado de estuprar e manter em cárcere privada ex-assistente - Itupeva Agora

Agora

sexta-feira, 22 de janeiro de 2021

Autor de sucessos como "Kiss Me Thru the Phone", Soulja Boy é acusado de estuprar e manter em cárcere privada ex-assistente

 

Getti Images

Soulja Boy, rapper americano e autor de sucessos como "Kiss Me Thru the Phone" e "Crank That (Soulja Boy)", está sendo acusado de estuprar e manter em cárcere privado sua ex-assistente. 

De acordo com as informações, a mulher (que não foi identificada) o acusa de tê-la trancado em um quarto por três dias e a estuprado várias vezes, além de agredi-la física e verbalmente e reter os pagamentos. 

Segundo contou no processo, depois de começar a trabalhar com o rapper em 2018, eles teriam se envolvido amorosamente em janeiro de 2019, com os abusos começando já no mês seguinte e continuando até agosto do ano passado. 

O rapper, cujo nome verdadeiro é DeAndre Way, negou as acusações. "Ele não bateria ou colocaria as mãos numa mulher... Isso é um absurdo", disse um representante do cantor ao site TMZ. 

Já a advogada da suposta vítima, diz que a mulher está "traumatizada e preenchida de medo" e busca uma indenização e um julgamento com júri.

Soulja já chegou a ser preso no passado e cumpriu três meses de prisão, após quebrar a liberdade condicional por ser condenado em 2014 por porte ilegal de arma. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas