Criança de dois anos morre após comer salsicha em berçário e acende alerta aos pais - Itupeva Agora

Agora

quarta-feira, 18 de novembro de 2020

Criança de dois anos morre após comer salsicha em berçário e acende alerta aos pais


Segundo informações da Revista Crescer, do UOL e do Jornal Metro, uma criança de apenas dois anos, teve uma parada cardíaca no berçário Mini Learners em Radlett, no Reino Unido, após se engasgar no almoço da creche quando comia um pedaço de salsicha.


Desesperados, os trabalhadores da creche acionaram os serviços de emergência por volta da hora do almoço na quinta-feira, 12 de novembro. Os paramédicos correram para o local, junto com uma helicoptero, e Sadie foi levada ao hospital.


Apesar de ter sido levada às pressas para a UTI, Sadie Salt não reagiu aos cuidados médicos e morreu neste sábado (14).


A pequena teve órgãos captados para doações.  Os pais da menina, Adam e Zoe, consideraram "incrível" o trabalho dos médicos e criaram uma página de arrecadação de fundos, em "memória amorosa de sua princesa Sadie", para apoiar a COSMIC, uma instituição de caridade que apoia crianças em estado crítico.


A tragédia fez com que amigos da família lançassem uma petição pedindo que linguiças, salsichas e uvas sejam banidas dos cardápios dos berçários por sua “forma e pele dura”. Segundo eles, esses alimentos são um “desafio para as crianças mastigarem”, o que pode levar ao bloqueio da traqueia, consequentemente.


“Esta é uma petição que nunca pensamos que escreveríamos. Tragicamente, no dia 14 de novembro de 2020, a filha do melhor amigo de Darren perdeu a vida depois de engasgar com um pedaço de salsicha enquanto almoçava no berçário.  Ela tinha apenas 2 anos. Nossos amigos perderam seu bebê. Nosso bebê perdeu seu amigo. Dois meninos perderam a irmã mais nova.  Estamos plenamente cientes de que acidentes acontecem, mas também podem ser tomadas medidas para evitar que esses acidentes ocorram. As salsichas são conhecidas por seu formato desajeitado e pele dura, o que torna a mastigação mais difícil para crianças pequenas. As uvas se enquadram na mesma categoria. Estamos apelando para que as salsichas e as uvas sejam banidas de todos os berçários o mais rápido possível, para que nenhuma outra família tenha que passar pela devastação e tristeza que tantas pessoas sentiram neste fim de semana”.


Medicos não recomendam salsichas para crianças


Os embutidos em geral e principalmente a salsicha são cheios de corantes e conservantes, sendo considerados pouco saudáveis em qualquer idade. Porém, para as crianças, a salsicha pode causar engasgos e até sufocamentos — mesmo quando servida inteira ou em rodelas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas