Garota de programa denuncia cliente por violência e estupro em Jundiaí - Itupeva Agora

Agora

quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Garota de programa denuncia cliente por violência e estupro em Jundiaí

 


Uma garota de programas de 25 anos prestou queixa de estupro na delegacia de Jundiaí, depois que um cliente a forçou a terminar uma relação sexual com ele.





Segundo informações do Jornal de Jundiaí, o caso aconteceu na Vila Rio Branco, na noite de terça-feira (21/10). A mulher, que é de Campinas, estava atendendo a um cliente, quando desconfiou, durante o ato, de que ele havia tirado o preservativo sem permissão. Ao questioná-lo, segundo ela relatou, ele teria ficado nervoso e agressivo, segurado seu pescoço com força e dado continuidade ao ato sexual, à força.

A mulher contou que conseguiu se soltar antes que ele ejaculasse e foi ao banheiro para verificar se estava com o preservativo. Em seguida, aproveitou o momento em que o homem foi ao banheiro para fotografar seus documentos e, armada de uma faca, ligou para a polícia.





O acusado, segundo ela, chegou a ironizar a queixa, dizendo que ela era uma prostituta e como ele estava pagando, estava no seu direito. Apesar disso, ele fugiu pulando o muro do quintal da residência onde estavam logo que ela ligou para a Polícia Militar.

Ela se encaminhou ao Hospital Universitário para realizar exames e fez a queixa na delegacia, que encaminhou o caso para a Delegacia de Defesa da Mulher.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas