Pesquisa na China reforça que humanos podem transmitir Covid-19 para gatos, mas felinos não contaminam humanos - Itupeva Agora

Agora

segunda-feira, 14 de setembro de 2020

Pesquisa na China reforça que humanos podem transmitir Covid-19 para gatos, mas felinos não contaminam humanos





De acordo com um novo artigo de pesquisa publicado na revista “Emerging Microbes & Infections”, mais gatos foram infectados pelo novo coronavírus do que o esperado. Felizmente, no entanto, o estudo indica também que os felinos não contaminam humanos, embora seja possível que pessoas possam contaminar os gatos.

O estudo foi realizado com felinos abandonados na cidade de Wuhan, o epicentro da pandemia COVID-19 na China e concluiu que nenhum dos felinos apresentava sintomas do vírus, mas tinham anticorpos neutralizantes no sangue, que atuam como proteção contra o vírus assim que uma pessoa, ou felino, neste caso, é infectado.




Realizada entre janeiro e março deste ano, a pesquisa descobriu que 15 de um total de 102 gatos haviam contraído SARS-CoV-2 conforme evidenciado por anticorpos em seu sangue. Dos 15 gatos, as pesquisas descobriram que 11 das amostras tinham evidências de “anticorpos neutralizantes”, de acordo com o Slash Gear.

Um anticorpo neutralizante é um anticorpo que defende uma célula de um patógeno ou partícula infecciosa, neutralizando qualquer efeito que tenha biologicamente. A neutralização torna a partícula não mais infecciosa ou patogênica.




O estudo também revelou evidências de que os gatos são capazes de transmitir o vírus para outros gatos. No entanto, não há evidências que comprovem que um animal infectado pode transmitir o vírus a um ser humano. Isso é evidenciado pelos altos níveis de anticorpos encontrados em gatos que pertencem a pessoas que tiveram COVID-19.

Fonte: https://www.popularmechanics.co.za/




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad