Professora que disse que criança de 10 anos estuprada pelo tio “deve ter sido bem paga” é demitida pelo governo de São Paulo - Itupeva Agora

Agora

quinta-feira, 20 de agosto de 2020

Professora que disse que criança de 10 anos estuprada pelo tio “deve ter sido bem paga” é demitida pelo governo de São Paulo

O secretário da Educação do Estado de SP, Rossieli Soares - Divulgação/Governo SP





O Governo do Estado de São Paulo demitiu, na última terça-feira (18), uma professora da rede estadual que fez comentários considerados absurdos sobre a criança de 10 anos vítima de estupro por quatro anos e que fez um aborto após ter engravidado do próprio tio, que era o abusador.
Na postagem, ela chegou a dizer que a menina “já tinha vida sexual há quatro anos com esse homem. Deve ter sido bem paga” e ainda questionou que “Crianças se defendem chorando pra mãe, esta menina nunca chorou por quê?”.




As postagens foram apagadas, mas prints viralizaram nas redes sociais e as denúncias chegaram à Secretaria Estadual de Educação, conforme contou o próprio secretário da Pasta, Rossieli Soares, em entrevista à Globo News. “É um absurdo, não dá nem para dizer que é uma professora, não existe justificativa. Isso não é uma professora, não representa a classe da educação. Repudiamos totalmente, não vamos aceitar”.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad